21 dicas de como economizar em Orlando e aproveitar a viagem

Orlando nas Férias 1 Comment

 

Se você está em busca de dicas de como economizar em Orlando, chegou ao lugar certo! Passear pela cidade, divertir-se nos parques, conhecer os personagens favoritos da Disney e viver um pouquinho da cultura americana é o sonho de muita gente – e não estamos falando apenas das crianças.

 

Famílias inteiras e pessoas de todas as idades veem a cidade de Orlando como um dos destinos turísticos mais atraentes do mundo. Isso porque a cidade é recheada de atrações que agradam diferentes perfis de visitantes, sem contar os inúmeros restaurantes com comidas típicas dos mais diversos cantos do mundo.

 

Além disso, os brasileiros costumam adorar o fato de Orlando possuir lojas, shoppings e outlets que reúnem as principais marcas de roupas, cosméticos e eletrônicos por preços bem mais baixos dos que os praticados no Brasil. Tanto que algumas lojas da cidade contam até mesmo com vendedores que falam português para atender o grande número de brasileiros fazendo compras o ano inteiro.

 

Entretanto, é comum que o limite de orçamento da viagem seja uma das preocupações na hora de tornar esse sonho realidade. Afinal, além das passagens aéreas, uma viagem para Orlando envolve outros gastos, como alimentação, hospedagem, entrada nos parques, compras e outros passeios.

 

Confira algumas dicas incríveis de como economizar em Orlando sem deixar de aproveitar tudo o que há de melhor na cidade!

 

21 dicas de como economizar em Orlando

 

1. Viaje na baixa temporada

 

A primeira dica de como economizar em Orlando está relacionada à escolha da época da viagem. Como qualquer destino turístico, a cidade tem meses de baixa e alta temporada. Por isso, se você deseja gastar menos, tente evitar os meses de dezembro, janeiro, julho e agosto. Nas outras épocas do ano, é possível conseguir melhores promoções de hospedagem, aluguel de carro e passagens, além de evitar as enormes filas nos parques temáticos.

 

2. Alugue uma casa em condomínios para temporada

 

A hospedagem entra para a lista dos maiores gastos em qualquer viagem, o que faz com que muita gente procure alternativas mais baratas. Isso tem feito com que o aluguel de casas para temporada tenha crescido entre os turistas brasileiros. Essa é uma ótima dica de como economizar em Orlando, principalmente para os grandes grupos. Com pelo menos quatro pessoas, o aluguel de casas já compensa financeiramente. Ao mesmo tempo, você tem mais segurança e pode dispor de todo o conforto de uma casa equipada com tudo o que você precisa. E, o melhor de tudo, é que as casas costumam ficar dentro de condomínios luxuosos que oferecem uma infraestrutura completa de lazer.

 

3. Faça algumas refeições em casa

 

Se você decidir alugar uma casa para o seu grupo, outra sugestão de como economizar em Orlando é preparar pelo menos uma das refeições do dia em casa. Você com certeza irá passar em algum momento pelos grandes supermercados, então, que tal aproveitar a visita e comprar coisas gostosas para preparar o seu próprio café da manhã? Assim, você sai abastecido de casa e consegue economizar alguns dólares no começo do dia.

 

4. Não fique em hotéis dentro da Disney

 

Se ainda assim você é do tipo que prefere ficar em hotéis por conta das regalias e vantagens, como café da manhã e serviço de quarto, mas não quer gastar uma fortuna com hospedagem, faça as suas reservas em hotéis fora da Disney. Isso porque, embora a ideia pareça incrível, os resorts que ficam dentro do complexo da Disney costumam ser muito mais caros em relação aos demais hotéis de Orlando.

 

Altas temporadas em Orlando tendem a ter ingressos mais caros do que em meses com menos procura.

5. Leve alguns snacks para os parques

 

O gasto diário por pessoa em Orlando pode variar bastante, mesmo nas baixas temporadas. Isso porque a maioria dos turistas passa vários dias inteiros nos parques temáticos e, claramente, precisam recarregar as energias. Dentro dos parques, há restaurantes para todos os bolsos, ou seja, tome cuidado na hora de escolher onde comer. Ainda, mais do que dar preferência para as opções de alimentação mais em conta, vale a pena levar lanchinhos, snacks e frutas para enganar a fome e aliviar o orçamento das férias.

 

6. Pesquise bem sobre restaurantes antes da viagem

 

Opções de lugares para comer é algo que não falta em Orlando, pois a cidade está repleta de restaurantes que trabalham com culinária típica do mundo todo. Inclusive, há diversos restaurantes brasileiros por lá e até churrascarias para quem ficar com saudade de um bom rodízio. Embora os fast foods sejam baratos, fique sabendo que você não precisa viver apenas de lanche durante as férias para poupar alguns dólares. Quando se trata de alimentação, uma boa dica de como economizar em Orlando é fazer uma pesquisa sobre os restaurantes da cidade para escolher aqueles que possuem o melhor custo-benefício.

 

7. Cadastre-se no site dos restaurantes para obter vantagens

 

A vantagem extra de pesquisar previamente sobre os restaurantes é que alguns deles – como Pizza Hut, Outback, Earl of Sandwich, Red Lobster, entre outros – oferecem promoções ou algum agrado para aqueles que se cadastram no site. Você pode ganhar desconto em algum prato ou uma sobremesa grátis, por exemplo.

 

8. Se você curte fast food, aproveite o Value Menu

 

Você já ouviu falar do Value Menu? Para quem gosta de fast food ou precisa encontrar formas de como economizar em Orlando ao máximo, é algo que vale muito a pena! O Value Menu nada mais é do que um cardápio econômico, com preço fixo de um dólar, oferecido pelas redes de lanchonetes como Burger King, McDonald’s, Taco Bell, entre outras. Por esse valor, você come um sanduíche – não inclui acompanhamento ou bebida.

 

9. Peça água da torneira

 

Diferentemente de vários países, nos Estados Unidos a água da torneira é potável e você pode tomá-la sem problemas. Por lá é bastante comum pedir água da torneira – tap water, em inglês – nos restaurantes e lanchonetes. Embora isso pareça bem estranho para os brasileiros, saiba que isso é normal para os americanos e te ajuda a economizar um pouquinho durante a viagem.

 

Imagem: Flickr

10. Reserve o carro com antecedência

 

Alugar um carro para se locomover pela cidade é quase essencial para quem vai viajar para Orlando. Por conta dos parques, outlets e shoppings serem distantes uns dos outros, ter um carro para facilitar os trajetos é uma excelente pedida. Geralmente, quanto mais em cima da hora a reserva é feita, maior é o valor. Portanto, tente reservar o seu carro com antecedência para pagar menos e encontrar as melhores promoções.

 

11. Use comparadores de preço

 

Assim como existem sites de comparação de preços de passagens aéreas e hotéis, também há outros que comparam os preços oferecidos pelas locadoras de carros. Se você deseja descobrir como economizar em Orlando, não deixe de consultar esses sites. Por terem parceiras com as locadoras, eles costumam conseguir ótimos preços. Além disso, você pode ver qual empresa oferece as melhores formas de pagamento para te ajudar a economizar ainda mais.

 

12. Não caia no papo do seguro extra

 

Vários brasileiros relatam que as empresas tentam convencê-los a contratar um seguro extra no momento em que vão retirar o carro alugado. Obviamente, contar com um seguro é algo de extrema importância, mas saiba que a opção básica é suficiente. Portanto, caso isso aconteça com você, não se deixe levar pela conversa, pois o seguro extra não vale a pena, além de ter um valor muito alto. O mesmo vale para o GPS: você pode utilizar a ferramenta no celular sem ter que contratar e pagar por um serviço extra.

 

13. Compre ingressos para os parques no Brasil

 

O preço das entradas para os parques temáticos de Orlando pode variar bastante dependendo do seu planejamento. Se você quer saber como economizar em Orlando, um dos principais pontos de atenção é: não deixe para comprar os ingressos na bilheteria dos parques. Você consegue adquirir as suas entradas no Brasil por meio do site da Disney, sites especializados e de agências de viagens por preços bem mais em conta. E o melhor de tudo é que você pode fazer o pagamento em reais, parcelar o valor total e evitar o IOF.

 

14. Leve água para os parques

 

Dentro dos parques temáticos, cada garrafinha de água custa cerca de 3 dólares, o que acaba saindo caro no final do dia. Por isso, uma boa dica de como economizar em Orlando é comprar água no supermercado – um pacote com 12 garrafinhas sai mais ou menos pelo mesmo preço – e levá-las na mochila. Mas, se você não quiser ter gasto nenhum com isso, saiba que há diversos bebedouros espalhados pelos parques.

 

15. Antecipe-se e compre uma capa de chuva

 

Dependendo da época do ano, você corre o risco de pegar chuva quando estiver passeando pelos parques temáticos. Para não deixar a chuva atrapalhar o seu dia ou para se proteger nos brinquedos com água, leve na bolsa uma capa de chuva, daquelas descartáveis mesmo. Você consegue encontrá-las em qualquer supermercado. Isso é ótimo, pois assim como outros itens, as capas de chuva dentro dos parques são bem mais caras do que em outros locais.

 

Uma opção de entretenimento interessante e boa forma de economizar em Orlando é visitando o Disney Springs.

16. Passeie sem pagar nada pelo Disney Springs

 

Se você nunca ouviu falar no Disney Springs, saiba que o local funciona como um centro de entretenimento. Lá você encontra várias atrações, espetáculos, lojas e restaurantes. Por não haver cobrança de entrada, a visita ao local é uma ótima alternativa para quem deseja encontrar maneiras divertidas de como economizar em Orlando. Você pode visitar o Disney Springs durante a noite, depois de aproveitar o dia todo em um dos parques temáticos, por exemplo.

 

17. Não compre lembrancinhas nos parques

 

É normal que ao visitar as lojinhas dos parques da Disney você veja muita coisa bacana para levar de presente para os amigos e familiares. No entanto, saiba que é possível encontrar os mesmos itens nos supermercados por um preço bem mais em conta. Portanto, evite comprar as lembrancinhas dentro dos parques e deixe para comprá-las nos supermercados ao final da viagem.

 

18. Confira quais são as melhores épocas para compras

 

Se você vai viajar para Orlando com o objetivo de fazer compras, vale a pena conhecer as melhores épocas para isso. Muitos brasileiros veem os preços baixos do comércio da cidade como um grande atrativo, já que é possível encontrar roupas, eletrônicos e diversos outros produtos bem mais baratos que no Brasil. Porém, algumas datas são ainda mais favoráveis aos descontos, como as trocas de estações e os dias após grandes datas comemorativas, como Thanksgiving, Natal, dia das mães, dia dos pais, etc.

 

19. Não deixe de ir aos outlets

 

Mesmo que você nunca tenha ido para Orlando, você com certeza deve ter ouvido falar dos outlets, certo? Mais uma ótima dica de como economizar em Orlando é, antes de procurar as lojas de rua e shoppings, visitar os maiores outlets da cidade. Afinal, nesses locais você encontra lojas das maiores marcas internacionais por preços bem mais baratos. Ou seja, compensa deixar para comprar em outros locais apenas os itens que você não encontrar nos outlets.

 

Imagem: Wikimedia Commons

20. Tenha foco na hora das compras

 

Quanto menos dias de viagem você tiver, mais foco você vai precisar na hora de fazer as compras. Isso porque os outlets são gigantescos e podem acabar tomando boa parte do seu tempo. Por isso, planeje quais lojas você vai visitar primeiro para não se perder nesses lugares imensos. E o que isso tem a ver com as dicas de como economizar em Orlando? Ao ficar “vagando” pelos outlets, você corre o risco de gastar muito dinheiro com coisas que você não precisava, de fato, comprar.

 

21. Cupons de desconto

 

Assim como os restaurantes, os outlets também oferecem cupons de desconto para os seus clientes. Apesar de nós não estarmos acostumados com isso no Brasil, você vai perceber que os americanos são craques em usar cupons! Eles podem chegar até 50% de desconto nas mais diversas lojas. Para aproveitar essa dica de como economizar em Orlando, acesse os sites dos outlets e vá para Orlando com os seus cupons em mãos.

 

E agora, você já sabe como economizar em Orlando? Ficou com alguma dúvida? Compartilhe com a gente nos comentários!

Comments 1

  1. Amei suas dicas. Com o dólar caro o que mais precisamos são esses toques. Minha primeira vez foi em abril passado, e pesquisei alguns grupos e foi bem proveitoso a viagem. Poderia indicar tb lojas com burlington , Ross e até Walmart antes mesmo de ir aos outlets para compras de vestuários, perfumes e calçados . O ” bolso” agradece.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *