Monte seu roteiro de viagem para Orlando e organize seu passeio

Orlando nas Férias Leave a Comment

Já está sonhando com a magia dos parques temáticos? Ansioso para as merecidas férias? Se esse é o seu caso, comece a montar o seu roteiro de viagem para Orlando o quanto antes!

A cidade é um dos destinos mais populares e favoritos de pessoas do mundo inteiro. Isso não se aplica apenas às crianças, pois não são só elas que ficam sem dormir ao saber que vão conhecer de pertinho seus personagens preferidos. E não é só isso!

Afinal, Orlando reserva outros programas interessantes para os turistas. Sendo assim, a nossa sugestão é: pesquise bastante e faça uma lista de tudo o que você gostaria de fazer durante a viagem.

Ao conhecer melhor as coisas que a cidade tem para oferecer, quais são as melhores atrações e como planejar os principais detalhes, fica muito mais fácil organizar as suas férias com a tranquilidade que você precisa. Assim, você pode fazer as escolhas de acordo com as suas preferências para que a viagem saia como você sempre imaginou.

Confira o nosso guia com tudo o que você precisa saber para se preparar de vez para a sua viagem. Aproveite!

Passo a passo para montar um roteiro de viagem para Orlando

Abaixo, você vai descobrir quais são os principais fatores que você deve avaliar antes de começar o planejamento da sua viagem. Leia com atenção cada um deles:

Época do ano

O primeiro passo para montar seu roteiro de viagem para Orlando é escolher em que época você vai viajar. É claro que, muitas vezes, as pessoas dependem do período determinado pelo trabalho ou das férias escolares dos filhos. Fora isso, é possível avaliar alguns fatores e escolher a época mais agradável para você.

Antes de tudo, fique por dentro de como são as estações do ano em Orlando. Lembre-se que por estar localizada no hemisfério norte, elas são o oposto do Brasil e o clima em cada uma das estações pode ser bastante diferente do que estamos acostumados por aqui.

Durante o verão, as temperaturas na cidade ultrapassam os trinta e poucos graus e a sensação térmica atinge os 40 °C. Também é muito úmido e, portanto, chove bastante. No inverno, embora faça frio, a temperatura mínima costuma ser de 11 °C e quase não chove. Com temperaturas bem agradáveis, o outono e a primavera são consideradas as melhores estações para viajar para Orlando.

Além disso, considere os meses de alta e baixa temporada. A cidade costuma estar mais lotada de turistas nos meses de junho, julho, dezembro, janeiro e fevereiro, pois correspondem aos períodos de férias escolares. Caso você escolha viajar durante a alta temporada, a sua viagem sairá mais cara.

Já no restante do ano, a cidade, os parques, shoppings e outlets estão mais vazios. E, consequentemente, o custo-benefício acaba sendo melhor. Ao planejar o roteiro de viagem para Orlando para a baixa temporada, você vai perceber que é possível encontrar preços mais atrativos e ofertas interessantes.

Duração da viagem

Quantos dias são suficientes para conhecer a cidade e visitar as principais atrações? A resposta para essa pergunta é: depende. Primeiro, o orçamento é uma das coisas que influenciam a duração da viagem, pois quanto mais dias maior será o valor total gasto.

Para começar a montar seu roteiro de viagem para Orlando, leve em consideração todas as atrações que você gostaria de conhecer e separe aquelas que você acha imperdíveis para a sua lista de prioridades. Se você é do tipo que gosta de fazer compras, não esqueça de separar um tempo para visitar os famosos shoppings e outlets da cidade.

Já quando o assunto são os parques temáticos, a dica é tentar aproveitar ao máximo cada um deles. Algumas pessoas incluem a visita a mais de um parque por dia no roteiro de viagem para Orlando. Porém, saiba que eles são enormes e há muita coisa para fazer em cada um deles. Não esqueça também do tempo que você vai passar na fila dos brinquedos se os parques estiverem cheios.

Por isso, o melhor mesmo é visitar um único parque por dia e conhecer mais a fundo o que eles têm para oferecer. Até porque vale a pena reservar um pouquinho de energia para o período da noite, quando você pode visitar outros pontos da cidade ou sair para jantar com a família e amigos.

Onde se hospedar

Quem está montando o roteiro de viagem para Orlando precisa saber que opções de hospedagem definitivamente não faltam. Com inúmeros turistas chegando durante o ano inteiro, há alternativas para todos os gostos e perfis. Tem gente que sonha, por exemplo, em se hospedar nos hotéis da Disney. No entanto, a diária costuma ser bem mais alta por lá.

Pela cidade toda existem diversos hotéis para os orçamentos mais robustos e também para os mais reduzidos. Portanto, pesquise bastante antes de efetivar a reserva. Você pode usar sites comparadores de preços, como o Booking.com, por exemplo.

Mas uma alternativa que vem sendo cada vez mais procurada pelos brasileiros são os condomínios em Orlando. Principalmente para os grupos maiores, hospedar-se em uma casa é uma excelente escolha. Isso porque elas são totalmente equipadas com tudo o que você precisa e os condomínios ainda contam com estruturas completas de lazer, incluindo piscina, quadras de esportes, academia e muito mais.

Portanto, ao fazer seu roteiro de viagem para Orlando, avalie se alugar uma casa em um condomínio compensa. Dependendo do número de pessoas, o valor pode ser menor do que uma diária em hotel. Sem contar que você ainda consegue preparar suas refeições em casa e guardar pertences e itens de valor com a devida segurança.

Lugares para visitar

Sem dúvidas, os locais mais procurados pelos turistas do mundo inteiro são os parques temáticos. As opções são tantas que é difícil decidir quais parques visitar na hora de fazer o roteiro de viagem para Orlando.

Além dos parques da Disney – Animal Kingdom, Magic Kingdom, Epcot, Hollywood Studios –, há os parques do complexo da Universal e da SeaWorld. Especialmente durante o verão, os parques aquáticos garantem a diversão da família toda. Se for viajar nesse período, não deixe de incluí-los no roteiro de viagem para Orlando.

Ainda que a magia dos parques seja o grande destaque, a cidade oferece outras atrações. Você pode conhecer aqui a história de Orlando e tudo o que você encontra por lá. Por ser um local bastante organizado, passear pela cidade é bem agradável.

É possível, por exemplo, assistir a jogos de esporte – como as famosas partidas de basquete da NBA –, shows e espetáculos dos mais diversos tipos. Ou seja, passeios para incluir no seu roteiro de viagem para Orlando não vão faltar.

Ingressos

A principal dica é: nunca deixe para comprar as entradas nas bilheterias dos parques. Isso porque, na hora, você vai pagar um valor bem mais alto por eles. Comprar com antecedência é sempre a melhor escolha quando se trata de ingressos para os parques.

Você pode realizar a compra diretamente nos sites dos parques. Mas fique atento, pois ao fazer o pagamento em dólar, você terá que pagar a taxa de IOF. Outra opção é adquiri-los em sites brasileiros especializados, como o Orlando nas Férias, e pagar em reais.

Para fazer uma boa economia, vale a pena adquirir os combos. Com eles, você consegue visitar vários parques de um mesmo grupo – Disney, SeaWorld, Universal – por um valor bem mais em conta. Na hora da compra, você escolhe as datas da viagem e, dependendo do combo escolhido, terá direito a visitar um ou mais parques no mesmo dia.

Transporte

Está aqui outro detalhe importante que você precisa planejar com antecedência: como se locomover pela cidade. Antes de começar a montar seu roteiro de viagem para Orlando, fique sabendo desde já que a melhor forma de andar pela cidade é de carro, pois ela parece ter sido feita para isso mesmo.

Há várias rodovias que cortam Orlando. Todas apresentam excelentes condições e são bem sinalizadas. Dessa forma, a maioria dos turistas opta por alugar um carro. Afinal, dirigir em Orlando é super tranquilo e o preço do aluguel não costuma ser alto.

O melhor a se fazer é reservar um carro com bastante antecedência. Além de te ajudar a montar o roteiro de viagem para Orlando com mais segurança – por saber que ir de um ponto a outro não será um problema –, você consegue melhores preços e condições de pagamento. Use os sites como o Rentcars.com e compare os modelos, valores, etc.

Se você não dirige ou não quer ter essa preocupação durante as férias, não se preocupe. Você pode utilizar o serviço da Uber, que costuma ter bons preços e ser bem mais barato que os táxis. Baste ter o aplicativo no celular, cadastrar o seu cartão de crédito e estar conectado à internet ao chamar um motorista parceiro.

Onde comer

Aqui, vale a pena deixar um espaço para a espontaneidade no roteiro de viagem para Orlando. Isso porque, dependendo do momento, você pode ter vontade de comer algo diferente. No entanto, é possível ter uma noção prévia das opções de lugares para comer na cidade.

Os Estados Unidos são conhecidos como a terra do fast food e não é à toa. Há várias redes famosas com unidades espalhadas pela cidade inteira. Geralmente, comer nesses locais é barato. Você vai se deparar com promoções, por exemplo, de sanduíches por 1 dólar.

Porém, não é todo mundo que gosta ou consegue viver de fast food por dias. Por receber pessoas do mundo inteiro, a cidade possui restaurantes que oferecem pratos típicos de diferentes países, inclusive do Brasil. Para quem sente saudades da combinação arroz e feijão mesmo nas férias, saiba que há vários restaurantes brasileiros em Orlando.

Como uma maneira de economizar, muitas pessoas compram sanduíches, snacks e frutas para levar para os passeios. Além disso, se você ficar hospedado em uma casa de condomínio, ir ao supermercado e preparar suas próprias refeições pode ser uma ótima ideia.


Burger King em Orlando, Flórida.

Compras

Mesmo que você nunca tenha ido para Orlando, você já deve saber o quanto os brasileiros amam fazer compras por lá. Por isso, a visita aos shoppings e outlets não podem ficar de fora do roteiro de viagem para Orlando. Lá você vai encontrar as marcas mais famosas e produtos com ótimos preços.

Os brasileiros literalmente lotam diversas lojas e, sobretudo, os outlets da cidade. Isso fez com que muitos estabelecimentos até contratassem vendedores brasileiros para dar conta do atendimento. Ainda que os preços sejam em dólar, fazer compras por lá costuma ser algo bem vantajoso.

Se quiser conhecer as principais lojas da cidade, clique aqui. Na hora de planejar seu roteiro de viagem para Orlando, separar pelo menos um dia inteiro para visitar os outlets talvez seja uma boa pedida. Afinal, eles são gigantescos e contam com lojas das melhores marcas de roupas, acessórios, eletrônicos, cosméticos, etc.

Não podemos deixar mencionar também os supermercados, como Walmart e Target, onde você encontra de tudo, de tudo mesmo! Os itens incluem alimentos, roupas, eletrônicos, cosméticos e até medicamentos. Produtos da Disney para dar de presente são vendidos nos supermercados por preços bem melhores do que nas lojinhas dos parques.

Orçamento

Claramente, o planejamento do roteiro de viagem para Orlando vai depender também do orçamento disponível para as suas férias. Embora seja difícil calcular com precisão quantos dólares levar, aqui você encontra algumas dicas que podem te ajudar.

O quanto você vai gastar varia de acordo com o seu estilo de viagem, escolha de hospedagem, restaurantes e compras. Enquanto tem gente que compra apenas um eletrônico que precisa, por exemplo, outras aproveitam para renovar o guarda-roupa inteiro.

Saiba que é possível economizar em Orlando. Além de moderar nos gastos, planejar a viagem com antecedência faz uma diferença enorme. Por isso, comece a montar o seu roteiro de viagem para Orlando o quanto antes!

Então, ficou mais fácil de organizar as suas férias com o nosso guia? Precisa de ajuda com algum outro detalhe da viagem? Conte pra gente!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *