Confira quanto custa para tirar o visto americano

Orlando nas Férias Leave a Comment

Passaporte
Planejando sua primeira viagem aos Estados Unidos? Todo brasileiro que queira ir para o país do Mickey precisa dar entrada no processo para obtenção do visto adequado, de acordo com a razão da viagem. É recomendável se planejar o quanto antes e não comprar passagens ou reservar passeios que não possam ser reembolsados antes de receber o visto, que tem a validade de 10 anos. Veja quanto custa para tirar o visto americano e qual o passo a passo para conseguir esse documento.

Quanto custa para tirar o visto americano

Na hora de planejar seu orçamento de viagem, é importante levar em consideração quanto custa para tirar o visto americano. Os valores variam de acordo com a sua categoria e são atualizados periodicamente.

Vale ressaltar que todos os solicitantes, incluindo crianças, precisam pagar a taxa, que é não reembolsável e não transferível. É possível pagar pelo site do departamento de vistos ou por um sistema de telefone automatizado, usando cartão de crédito ou boleto bancário.

A taxa é válida por um ano a partir da data de pagamento, ou seja, você tem 365 dias para dar prosseguimento ao processo. Caso seu visto seja negado, você não recebe reembolso, e se quiser fazer uma nova solicitação é preciso pagar novamente.

Para o ano de 2018, confira quanto custa para tirar o visto de acordo com cada categoria de “não imigrante”:

160 dólares:

(B) Visitante: Negócios, Turismo, Tratamento Médico

(C) Em trânsito pelos E.U.A.

(D) Membro de Tripulação

(F) Estudante Acadêmico

(M) Estudante Vocacional/Não Acadêmico

(I) Membros da Mídia ou Jornalistas

(J) Visitante de Intercâmbio

(TD/TN) Profissional NAFTA

(T) Vítima de Tráfico

(U) Vítima de Atividade Criminosa


190 dólares:

 

(H) Trabalhador/Emprego Temporário ou Estagiários

(O) Pessoas com Habilidade Extraordinária

(P) Atletas, Artistas e Profissionais de Entretenimento

(Q) Visitante de Intercâmbio Cultural Internacional

(R) Trabalhador Religioso

(L) Transferência na mesma empresa

 

205 dólares:


(E1) Negociador por Tratado

(E2) Investidor por Tratado

(E3) Profissional Australiano Especializado

 

265 dólares:


(K) Noivo(a) ou esposo(a) de um cidadão dos E.U.A.

Passo a passo para tirar o visto americano

O primeiro passo para obter seu visto americano é determinar qual é o tipo de visto que você deve solicitar. Para entender quais são as diferenças entre as categorias, você pode acessar este site
Se a razão da sua viagem for turismo, como é o caso da maioria, o tipo de visto adequado é o B-2. Quer saber quanto custa para tirar o visto americano nesse caso? 160 dólares, como informamos acima.

1. Preencher o formulário DS-160

O próximo passo é preencher o formulário online de solicitação de visto, que é chamado de DS-160 e está disponível neste site do governo americano.

O ideal é fazer isso quando você tiver tempo para responder às questões com calma, porque o preenchimento pode levar cerca de duas horas. Se não puder concluir no mesmo dia, salve-o para continuar depois. Você tem até 30 dias para concluir o processo depois de começar.

Na hora de preencher o formulário, tenha em mãos seu passaporte, informações sobre a última ida ao país (caso se aplique), CPF, RG e dados do itinerário que planeja para a viagem. Ele está escrito em inglês, mas se você passar o mouse por cima dos textos vai ver uma caixinha com a tradução de cada trecho para português.

No DS-160 são pedidas várias informações sobre você, desde a escola onde estudou até se tem parentes morando nos Estados Unidos. A orientação é responder tudo com sinceridade, porque fornecer informações falsas é considerado crime, como os entrevistadores fazem perguntas sobre as informações que você passa, poderão descobrir se você está mentindo.

Depois do preenchimento, imprima a ficha de confirmação, que contém um código de barras e é essencial nas próximas etapas do processo.

2. Pagar a taxa e agendar as entrevistas

Terminou essa parte? Além de saber quanto custa para tirar o visto americano,  é importante entender sobre a hora de pagar e agendar as entrevistas. Para isso você deve acessar o site do departamento de vistos dos EUA no Brasil e clicar em “Inicie sua solicitação”.

Você vai, então,  ser orientado a criar uma conta de usuário e inserir o número de confirmação DS-160. Se estiver dando entrada no processo para mais de uma pessoa simultaneamente, fique atento ao fato de que existe um número diferente para cada solicitante de visto.

Esse formulário está em português e é mais fácil de preencher, com funcionamento bem intuitivo. Primeiro você insere seus dados pessoais e depois, se for o caso, tem a opção de adicionar membros da família e agendar a entrevista. Então, é só clicar em “Vistos de não-imigrante”, depois “Agendamento comum de vistos”, dentro dessa aba selecionar “Visto de visitante” e por fim “Negócios ou turismo (B1/B2)”.

Em seguida, você terá que escolher em qual consulado deseja fazer a entrevista. Fique atento para escolher a mesma opção que você informou no formulário DS-160. Até 10 pessoas podem agendar a entrevista para o mesmo horário, caso você esteja fazendo o processo em família.

Depois você vai escolher a forma de pagamento do visto. Avalie a melhor opção para você, considerando quanto custa para tirar o visto americano.

Se pagar por cartão de crédito (Visa ou Mastercard), você pode fazer o agendamento imediatamente. Se optar pelo boleto, terá que esperar 24 horas para que seja computado o pagamento e só então voltar ao site para continuar o processo.

Depois que seu pagamento for autorizado, é hora de agendar as entrevistas. Sim, no plural, porque é preciso marcar dois atendimentos em dias e lugares diferentes.

O primeiro é no Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV), onde você vai tirar a foto oficial e registrar suas impressões digitais, e o segundo, no consulado, onde acontece a entrevista oficial, que decide se você vai receber o visto ou não.

Fique ligado, porque no site é preciso marcar primeiro a entrevista no consulado e só depois a do CASV. Só que a ida ao CASV tem que acontecer ao menos um dia antes, então leve isso em consideração, especialmente se tiver que ir para outra cidade para visitar o consulado.

Se tiver algum problema, você pode mudar as datas dos dois atendimentos até 24 horas antes, acessando o site.

Algumas pessoas podem ser dispensadas da entrevista no consulado, precisando apenas comparecer ao CASV. Você vai saber se esse é seu caso quando for fazer o agendamento, pois a decisão é tomada com base nas respostas informadas por você nos formulários.

Além disso, pessoas com menos de 15 anos ou mais de 66 podem não comparecer à entrevista e à coleta das impressões digitais. Nesses casos, um representante pode ir entregar os documentos e as fotos do viajante, que devem ser em tamanho 5×7, com fundo branco, sem sorrir, mostrando testa e orelhas e tiradas nos últimos seis meses.

3. Os atendimentos no CASV e no Consulado

Caso você more em uma cidade onde não há consulado dos EUA, recomenda-se considerar os custos de deslocamento e hospedagem quando for ver quanto custa para tirar o visto americano.

O ideal é ficar hospedado num lugar próximo ou com fácil acesso ao consulado e ao CASV e sair com antecedência nos dias marcados, para não correr o risco de se atrasar devido a algum imprevisto. No entanto, saiba que normalmente a entrada em ambos os lugares só é permitida cerca de meia hora antes do horário agendado.

Quando for ao CASV, não se esqueça de levar as páginas de confirmação impressas. Nessa etapa, o procedimento costuma ser rápido e não são feitas perguntas para avaliar se seu visto será concedido.

No dia seguinte, você deve comparecer à entrevista no consulado. Assim como no CASV, os solicitantes de visto vão sendo chamados de acordo com o horário agendado.

Na entrada você vai passar por um detector de metais e raio-x. Não é permitido entrar no consulado portando nenhum aparelho eletrônico ou objeto cortante como, por exemplo: tesourinhas de unha, celulares e fones de ouvido.

Existem guarda-volumes nos arredores da maioria dos consulados americanos no Brasil, então, caso esteja levando objetos proibidos, confirme se existe um na cidade onde você vai e deixe-os lá.

As entrevistas costumam ser rápidas e objetivas, incluindo perguntas sobre o objetivo da sua ida aos EUA e o que você faz no Brasil. Mantenha a calma e não responda mais do que o perguntado, nem mostre documentos que não forem solicitados. O próprio agente que conduz a entrevista informa se seu visto for aprovado.

4. O recebimento do visto

Caso seu visto seja aprovado, eles vão ficar com seu passaporte e devolvê-lo posteriormente com o visto. A entrega pode ser feita num endereço comercial ou residencial ou no CASV, de acordo com o que você escolheu quando fez o agendamento.

A maioria das pessoas que tem o visto aprovado recebe o documento em até 10 dias úteis, mas em alguns casos esse prazo pode ser ultrapassado. Para checar o status da sua solicitação, acesse este site.

Documentos necessários para tirar o visto americano

Carteiras de Trabalho

Imagem: Flickr


É obrigatório levar para o CASV seu passaporte atual, que deve ser válido por pelo menos seis meses além do período de estadia nos Estados Unidos, e o passaporte contendo o último visto dos EUA, se for o seu caso.

Também não se esqueça da página de confirmação do formulário DS-160 e da Página de Confirmação e Instruções do Agendamento, que aparece quando você marca o atendimento.

Caso o solicitante não esteja presente no CASV (de acordo com os casos mencionados acima) ou se você estiver pedindo o visto para uma criança de menos de 2 anos, é preciso apresentar ainda uma foto 5 x 5 cm ou 5 x 7 cm colorida, com fundo branco e tirada dentro dos últimos 6 meses, além de outras especificidades descritas aqui.

Para a entrevista no consulado, é obrigatório levar os mesmos documentos mencionados acima. Além disso, dependendo do tipo de visto pode ser exigida documentação adicional. É importante consultar a lista oficial de documentos adicionais necessários de acordo com a classe de visto.

Se você pretende solicitar um visto do tipo B1, alguns exemplos de documentos adicionais são itens que sirvam como evidências do propósito da sua viagem, da sua intenção de sair dos Estados Unidos depois da viagem e da sua habilidade de pagar por todos os custos da viagem.

Recomenda-se levar, por exemplo, comprovante de renda (Declaração de Imposto de Renda, contracheques ou pró-labore), carteira de trabalho, escrituras de imóveis que estejam no seu nome, documento do carro em seu nome, matrícula em universidades e extrato bancário dos últimos três meses.

Caso você não vá pagar pela viagem por conta própria e não tenha dinheiro suficiente, é possível apresentar evidências de que outra pessoa vai custear uma parte ou a totalidade da viagem.

O que fazer se seu visto americano for negado

Como já vimos ao longo do texto, existem outras questões essenciais que vão além da resposta para quanto custa para tirar o visto americano, um exemplo disso é se o visto for negado.

Caso isso aconteça, o funcionário do consulado vai lhe entregar uma carta que explique o porquê da recusa. Se na carta constar o código 214(b), ela quer dizer que você não se qualifica nesse momento para obter o visto.

Nesse caso, se você quiser dar início ao processo novamente vai precisar fazer uma nova solicitação, pagar a taxa outra vez, agendar uma nova entrevista e comprovar que houve alguma mudança significativa na sua situação em relação a quando fez o pedido anterior.

Se na carta constar o código 221(g), ela incluirá ações que você precisa tomar para continuar a solicitação de visto. Se esse for seu caso, não é preciso pagar a taxa novamente. Se você precisar de mais informações sobre um visto negado, pode conferir este site.

Informações de contato dos Consulados americanos

Confira a localização e os horários de funcionamento de cada consulado ou embaixada dos Estados Unidos no Brasil:

Brasília

SES – Avenida das Nações, Quadra 801, Lote 03, via L-2

Brasília, DF – CEP: 70403-900

Horários de atendimento

Porto Alegre

Avenida Assis Brasil, 1889 – Passo D’Areia

Porto Alegre – RS – CEP: 91010-004

Horários de atendimento

Recife

Rua Gonçalves Maia, 163

Bairro Boa Vista Recife, PE – CEP: 50.070-060

Horários de atendimento

Rio de Janeiro

Avenida Presidente Wilson, 147 Castelo

Rio de Janeiro, RJ – CEP: 20030-020

Entrada pela Rua Santa Luzia

Horários de atendimento

São Paulo

Consulado Geral dos EUA

Rua Henri Dunant, 500,

Chácara Santo Antônio, São Paulo, SP – CEP: 04709-110

Horários de atendimento

Você pode verificar também as informações de contato dos CASV.

Gostou desse post sobre quanto custa para tirar o visto americano? Compartilhe com seus amigos que estão pensando em ir para os EUA!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *